A importância do Get Glue para o ecossistema da segunda tela

unnamed-4

Lançado em outubro de 2008 pela empresa AdaptiveBlue, o Get Glue* é considerado um marco na história da segunda tela (PROULX, SHEPATIN, 2012, p.59-65). O aplicativo não só foi responsável pela popularização da segunda tela como também trouxe uma nova dinâmica há experiência compartilhada. A plataforma é uma rede temática, ou seja, é segmentada e se utiliza de outras redes sociais (Facebook, Twitter e Tumblr) para potenciar as informações geradas em sua interface.

Nos primeiros anos de sua criação o Get Glue era uma espécie de catálogo cultural virtual com informações sobre TV, cinema, literatura e música estadunidense. Sua função básica era oferecer ao interagente informações como o horário de exibição, a sinopse, a ficha técnica, entre outros detalhes dos conteúdos. Em 2010, com o lançamento da versão para o sistema operacional iOS o serviço incorporou uma ferramenta inédita ao ecossistema televisivo: o check-in.

O recurso baseia-se, em parte, na arquitetura informacional do Foursquare e possibilita que o público compartilhe o programa que está assistindo através do check-in. Ao selecionar o conteúdo de sua preferência no banco de dados da plataforma, o interagente postará a seguinte mensagem em seu perfil no Get Glue e nas demais redes sociais delimitas por ele: I’m watching #[nome do programa] on #tvtag http://tvt.ag/1oqrKcD. Além engendrar uma nova experiência televisiva, o aplicativo também recompensa o appointment television. Os interagentes que realizam o check-in durante a exibição dos programas ganham adesivos virtuais relacionados ao conteúdo das atrações. A estratégia premia o telespectador que assiste ao programa no seu horário original de exibição e incentiva a competição entre os membros que disputam quem têm mais adesivos e badges.

Picture-13

Em parceria com os canais 20th Century Fox, AMC, ABC Family, Disney Theatrical, Discovery, ESPN, Fox, Food Network, Hachette, HBO, HGTV, MTV, MSNBC, Showtime, Penguin, PBS, Random House, Simon and Schuster, Syfy, Sony Pictures, Travel Channel, USA Network, Universal Pictures e Warner Bros. Theatrical o aplicativo desenvolve adesivos comemorativos e específicos para cada episódio, seja explorando o plot da semana ou enigmas da história. Nesse sentido a plataforma contribui a propagação do arco narrativo da série em questão. O Get Glue também realiza parceria com gravadoras, eventos (Comic Con), premiações (Oscar, Globo de Ouro, etc) e até séries exibidas via on demand, como House of Cards (2013) da Netflix, lançando adesivos virtuais sobre as temáticas.

Todo esse incentivo ao appointment television tem dado certo, em agosto de 2011 a plataforma atingiu a marca de 11 milhões de check-ins. Já em 2012 a série The Walking Dead (2010) conquistou o posto de recordista com 160,942 mil check-ins realizados durante a exibição de Seed, episódio de estreia da terceira temporada.

O aplicativo também apresenta outras funcionalidades: cada atração possui um perfil gerenciado pela empresa responsável pelo produto (série de TV, filme, cantor (a), banda, etc) que permite que o usuário acesse os horários de exibição dos programas, poste comentários, participe de enquetes, avalie as atrações, e envie fotos e montagens de suas cenas preferidas.

Apesar de os aplicativos de segunda tela integrarem o mercado estadunidense desde 2007, o Get Glue foi responsável não só pela popularização do segmento, mas pelo engendramento de  novas possiblidades a experiência televisiva. Em que o telespectador interagente tem a oportunidade de compartilhar nas redes sociais informações sobre o programa que está assistindo e acessar conteúdos complementares desenvolvidos exclusivamente para a segunda tela.

Em janeiro de 2015, o Get Glue encerrou suas atividades, segundo o site Lost Remote a plataforma foi vendida para o i.TV. A empresa anunciou que irá ampliar as funcionalidade do aplicativo, porém até o momento nada foi implementado.

* Em janeiro de 2014, o aplicativo passou a se chamar TV Tag.

Referência

PROULX, Mike; SHEPATIN Stacey. Social TV – How marketers can reach and engage audiences by connecting television to the web, social media, and mobile. New Jersey: John Wiley & Sons Inc, 2012.

Por Daiana Sigiliano

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>